×

MPRO cobra explicações da Energisa e Caerd sobre interrupções no fornecimento de energia e de água em Porto Velho

MPRO cobra explicações da Energisa e Caerd sobre interrupções no fornecimento de energia e de água em Porto Velho

Fotografia: Assessoria/MPRO

O Ministério Público do Estado de Rondônia, por meio da 11ª Promotoria de Justiça de Porto Velho (Defesa do Consumidor), cobrou explicações da Energisa e Caerd sobre as interrupções do fornecimento de energia e água, que ocorreram no município de Porto Velho nos últimos dias, causando transtornos em diversos bairros da capital.

Na reunião com a Promotora de Justiça Daniela Nicolai de Oliveira Lima, os representantes da Energia afirmaram que têm realizado vultosos investimentos no sentido de substituir o sistema de automação antigo, por um mais moderno e eficiente, a fim de reduzir as interrupções não programadas. Salientou também que comunicou a CAERD uma interrupção programada, no dia 14 de agosto, na estrada de Santo Antônio, para manutenção da rede daquela localidade.

A CAERD esclareceu, por sua vez, que como o principal ponto de captação de água da rede que abastece Porto Velho se encontra na estrada de Santo Antônio, emitiu comunicado à população, sobre o desabastecimento de água em vários bairros e que, devido a interrupção do fornecimento de energia, toda a rede de abastecimento de água foi despressurizada, razão pela qual demora algum tempo para que haja sua normalização. Mas acreditava que ainda nesta quinta-feira (15/8) a situação seria normalizada.

A Promotora de Justiça Daniela Nicolai recomendou à Energisa que, no caso dessas interrupções não programadas, entre em contato com a Secretaria Municipal de Trânsito (Semtran), para que sejam providenciados agentes de trânsito nos principais cruzamentos das avenidas que ficam sem o funcionamento do semáforo, até o tempo previsto para manutenção e retorno do sistema a fim de evitar acidentes e maiores transtornos à população. Recomendou ainda que as comunicações à CAERD também possam ser feitas diretamente à sua diretoria.

Ver comentários

Continue Lendo...