×

Publicidade

Remuneração dos profissionais da área da educação básica do estado será reajustada

Remuneração dos profissionais da área da educação básica do estado será reajustada

O reajuste acompanha o estabelecido anualmente por normativa nacional - Foto: Arquivo/Secom/Governo-RO

O Projeto de Lei Complementar 31/2019, alterando a Lei 680/2012 de autoria do Governo do Estado, que dispõe sobre a concessão de aumento de vencimento básico aos profissionais da educação básica da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), foi aprovado em duas votações, por unanimidade, na sessão da Assembleia Legislativa nesta terça-feira (10).

O reajuste acompanha o estabelecido anualmente por normativa nacional e que deve ser aplicado em todo o território, o que não ocorreu com os valores constantes apresentados nas tabelas remuneratórias do Anexo I da Lei 680/2012, no qual ficaram desatualizados, uma vez que não acompanharam o devido reajuste, ficando dissonantes do estabelecido pela lei do piso nacional, bem como do coeficiente utilizado para construção da tabela remuneratória, que está disciplinado nos artigos 74 e 75 da referida lei complementar.

O piso salarial profissional nacional para os profissionais do magistério público da educação básica (PSPN) é o valor abaixo do qual a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios não poderão fixar o vencimento inicial das carreiras do magistério público da educação básica para a formação em nível médio, na modalidade Normal, com jornada de, no máximo, 40 horas semanais.

Publicidade

ALTERAÇÕES

A mudança promovida pelo PLC 31/2019, alterando a lei complementar nº 680, revoga os artigos 1º, 2º e 3º da lei 4,248, de 06 de abril de 2018, que dispõe sobre a concessão de aumento de vencimento básico aos profissionais da educação básica da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), e dá outras providências. Acrescenta:

Anexo I – Quadro demonstrativo de referências da carreira dos profissionais do magistério, será anualmente reajustado no mês de janeiro, de acordo com o Ministério da Educação e Cultura (MEC).

Anexo II e III – Quadro demonstrativo de referências das carreiras de técnicos educacionais e analistas educacionais, serão reajustados anualmente de acordo com o índice geral estabelecido pelo Poder Executivo, e regulamentado por decreto do governador. Revogados os artigos 1º, 2º e 3º da lei 4,248, de 04 de abril de 2018.

Ver comentários

Continue Lendo...

Governo de Rondônia cria cinco novos colégios militares e fortalece mobilidade na educação

Na manhã da segunda-feira (17), o governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha, assinou os decretos de criação de cinco unidades do Colégio Tiradentes da Polícia Militar (CTPM), por transformação de escolas estaduais em colégios militares,…

Leia Mais
MEC prorroga por dois dias inscrições para o Fies

Prazo inicial terminaria nesta quarta-feira.

Leia Mais
Programa Ir e Vir garante repasse de recursos aos municípios para o transporte escolar rural

Para garantir o acesso dos estudantes rurais às escolas, o governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), criou o programa Transporte Escolar Compartilhado Ir e Vir, que garante o repasse de recursos…

Leia Mais
Investimentos na Educação foram essenciais para destacar Rondônia no Enem

Dezenas de alunos das escolas estaduais de Rondônia conquistaram 900 pontos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Com destaque para a classificação das notas nos níveis adequado e avançado, o Estado alcança um nível…

Leia Mais
Superior Tribunal de Justiça libera divulgação do resultado do Sisu

Decisão foi tomada após recurso da Advocacia-Geral da União.

Leia Mais
AGU aguarda dados para recorrer de suspensão de resultados do Sisu

Técnicos se reuniram pela manhã no Ministério da Educação.

Leia Mais