×

Anatel marca reunião para votar leilão do 5G

Encontro será na próxima sexta-feira.

Foto: Ilustrativa/Pixabay

Foto: Ilustrativa/Pixabay

A diretoria da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) marcou para a próxima sexta-feira (24) a reunião para concluir a votação da proposta de leilão para a exploração de serviços de acesso móvel usando a tecnologia 5G, que amplia a velocidade da conexão móvel.ebc - Anatel marca reunião para votar leilão do 5Gebc - Anatel marca reunião para votar leilão do 5G

A agência havia marcado a votação para a semana passada. Mas a decisão foi adiada por um pedido de vista do conselheiro Moisés Moreira. Os ministros ainda discutem algumas adequações sobre o texto da proposta para concluir a votação.

A Anatel irá finalizar a proposta após ela ter sido analisada pelo Tribunal de Contas da União (TCU). Apesar de um parecer da área técnica apontando problemas e sugerindo mudanças, a maioria dos ministros votou pela aprovação da proposta da agência.

continua após a Publicidade

O leilão vai colocar as faixas de frequência para disputa por operadoras de telecomunicações, mediante pagamentos e determinadas obrigações. A votação irá definir essas condições.

O governo vem repetindo que a intenção não é arrecadar, mas colocar investimentos nessas novas redes. A expectativa do governo federal, manifestada pelo ministro das Comunicações, Fábio Faria, em entrevistas, é que o leilão ocorra em outubro deste ano.

Ver comentários

Continue Lendo...

Foto: © Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Maioria dos ministros segue decisão de Lewandowski.

Leia Mais
Foto: Ilustrativa/Pixabay

Anatel aprova leilão da exploração do acesso móvel na tecnologia 5G.

Leia Mais
Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Governo prevê queda de 30% no desmatamento nos números de agosto.

Leia Mais
Foto: Ilustrativa/Pixabay

Previsão foi feita pelo ministro Fábio Faria após aprovação do edital.

Leia Mais
Foto: © Marcello Casal/Agência Brasil

Combate à desnutrição e má nutrição também é desafio, diz relatório.

Leia Mais
Foto: © Arquivo pessoal Geral

Uniões foram reconhecidas pelo STF em 2011 como entidades familiares.

Leia Mais