×

Publicidade

Saiba como cadastrar e usar a CNH digital

Você sabia que não precisa mais portar a versão impressa do documento?

Saiba como cadastrar e usar a CNH digital

Foto: Reprodução/Agência Brasil

Você sabia que não precisa mais carregar no bolso sua carteira de motorista em papel? Isso porque todas as unidades da federação já aderiram à Carteira Nacional de Habilitação (CNH) digital, que pode ser baixada por meio de um aplicativo de smartphone.

Dessa maneira, basta ter a CNH inserida no aplicativo e portar o celular. Pela lei, ao abordar o cidadão, toda autoridade de trânsito é obrigada a aceitar a versão digital do documento.

A autenticidade é garantida por assinaturas e certificados digitais, que se valem da tecnologia de QR Code. Dessa maneira, somente os cidadãos aptos a dirigir que possuem versões mais recentes da CNH, podem baixar e utilizar a versão digital. Desde maio de 2017, as carteiras de motorista são emitidas com o QR Code impresso nelas.

Publicidade

Confira abaixo o passo a passo para utilizar a CNH digital. A adesão não é obrigatória. Vale lembrar que quem for abordado e não tiver o documento em papel nem no celular incorre em infração leve, sujeito a multa de R$ 88,38, e o veículo fica retido até que alguém com documento vá buscá-lo.

1. Baixe o aplicativo Carteira Digital de Trânsito, desenvolvido pelo Serpro e disponível para iOS e Android.

2. Ao abrir o aplicativo, você precisará de um cadastro de usuário junto ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

3. Preencha o CPF e clique em “Continuar”. Depois insira os dados pedidos no formulário, como nome, data de nascimento, e-mail e senha escolhida.

4. Será enviado um link de validação da conta para o e-mail cadastrado. Clique no link.

5. Agora é preciso validar os dados da CNH digital no aplicativo

6. Para validar os dados da CNH digital, o aplicativo oferece três opções: biometria; com certificado digital; sem certificado digital.

6.1. O usuário pode tentar fazer a validação por meio do próprio celular, através de reconhecimento facial.

6.1.1. Clique no ícone verde com um “+” para incluir um documento digital de trânsito.

6.1.2. Clique em CNH digital, depois em “validação pelo celular” e, em seguida, no botão “validar pelo celular”.

6.1.3. Insira o CEP do endereço informado quando sua CNH foi emitida ou renovada e clique em “avançar”.

6.1.4. Siga as instruções para que o aplicativo leia o QR Code impresso em sua CNH. Serão cinco tentativas de realizar o procedimento.

6.1.5. Siga as instruções para realizar o reconhecimento facial. Serão 10 tentativas. Caso não seja possível concluir o procedimento com sucesso, o usuário deverá realizar a validação dos dados da CNH via certificado digital ou indo presencialmente a Detran de sua unidade federativa.

6.2. O usuário que já tiver um certificado digital, pode proceder a validação dos dados de sua CNH digital diretamente no site da Denatran.

6.2.1. Clique no ícone verde com um “+” para incluir um documento digital de trânsito.

6.2.2. Clique em CNH digital, depois em “Possuindo certificado digital”.

6.2.3. No navegador do celular ou do computador, acesse o portal de serviços do Denatran ( https://portalservicos.denatran.serpro.gov.br ).

6.2.4. Para realizar o login com seu certificado digital, clique o no ícone para tal. Após isso, verifique se o seu nome do usuário aparece em destaque no canto direito da página.

6.2.5. Clique em “Meus Dados”, preencha o formulário e clique no botão “Alterar”.

6.2.6. Para concluir a ativação, clique em “CNH Digital – Ativação”, e depois clique no botão “Ativar”.

6.3. Quem não tiver o certificado digital e não conseguir fazer o procedimento de reconhecimento facial pelo aplicativo deve se dirigir ao Detran local para fazer a validação dos dados da CNH digital presencialmente.

7. Após a validação dos dados da CNH digital, o usuário deve inserir o documento no aplicativo.

7.1. Clique no ícone verde com um “+” para incluir um documento digital de trânsito.

7.2. Clique em CNH digital, em seguida insira o número de sua CNH.

7.3. Insira o código de segurança da CNH, que vem impresso no documento.

7.4. Após a conferência, clique no botão “OK” e, em seguida, em “Baixar CNH”.

7.5. O aplicativo irá pedir a criação de uma chave de acesso, um PIN de quatro números a ser utilizado para acessar o documento. Conclua o cadastro do PIN.

8. Se você já tiver validade os dados de sua CNH por meio de certificado digital, ao clicar em CNH digital, o aplicativo seguirá direto para o cadastro do PIN.

9. Após o cadastro do PIN, a sua CNH digital constará na tela inicial do aplicativo CNH digital. Para acessá-la, bastar clicar em cima do ícone que leva ao documento e inserir o PIN. A imagem de sua CNH, frente e verso, estará disponível para conferência, com a mesma validade do documento original em papel.

É importante lembrar que, em caso de perda ou roubo do aparelho, a CNH digital está protegida pelo PIN cadastrado. Ainda assim, por meio do portal de serviços do Denatran, o usuário pode desvincular a CNH digital do aparelho.

Ver comentários

Continue Lendo...

Conselho anuncia operação em áreas protegidas da Amazônia Legal

Fiscais do Ibama e do ICMBio já estão fazendo buscas e autuações.

Leia Mais
Golpes cibernéticos prometem de dinheiro a serviços de streaming

Denúncias de sites e aplicativos fraudulentos não param de crescer.

Leia Mais
Rondônia alinha estratégias para dar mais opções de pontos de vacinação contra influenza e evitar aglomerações

Os idosos e trabalhadores de saúde fazem parte do grupo prioritário da primeira fase da campanha nacional de imunização contra gripe (Influenza A-H1N1, Influenza A-H3N2 e Influenza B) que teve início na segunda-feira (23). Em…

Leia Mais
TRE-RO terá sessões do Pleno por meio de videoconferência a partir do dia 30 de março

A medida atende recomendações da Organização Mundial da Saúde para diminuir o avanço do contágio por coronavírus no país.

Leia Mais
Promotoria de Violência Doméstica da Capital faz atendimentos por canais alternativos em razão da pandemia do coronavírus

Como forma de prevenção ao contágio e enfrentamento à doença, todos os atendimentos da Promotoria de Justiça de Combate à Violência Doméstica de Porto Velho, inclusive os pedidos de medidas protetivas de urgência, estão sendo…

Leia Mais
TJRO destinará 4 milhões ao Estado para ações de combate ao coronavírus

O Poder Judiciário de Rondônia destinara ao Estado de Rondônia 4 milhões de reais, provenientes das penas pecuniárias, para a compra de medicamentos e equipamentos a serem utilizados no combate a pandemia do Covid-19. Agentes…

Leia Mais