Siga o CR
×
Siga o CR

Polícia

24 detentos de Cacoal são beneficiados com saída temporária do dia das crianças

Presos devem retornar na próxima quarta-feira (17).

O retorno deve ocorrer no dia 17 de outubro, até às 9h. Foto: Magda Oliveira.

Cerca de 24 detentos foram beneficiados com o saidão para o Dia das Crianças, em Cacoal (RO), município a pouco mais de 480 quilômetros de Porto Velho. Os apenados cumprem pena no regime semiaberto no mini-presídio da cidade. A liberação foi concebida a partir de quarta-feira (10) pelo poder judiciário. O retorno deve ocorrer no dia 17 de outubro, até às 9h.

Os detentos liberados são aqueles que apresentaram bom comportamento. Eles têm direito a cinco saídas ao ano. Normalmente, são concebidas pelo juiz em datas comemorativas.

Segundo o diretor do presídio, Fabiano Cardoso, dos 24 que serão agraciados com a saída temporária, dois deles são mulheres. “Todos os apenados que vão sair serão monitorados por tornozeleira eletrônica”, disse.

Durante o período em que estiverem fora da cadeia, os presos não podem circular pelas ruas de Cacoal, nem sair de casa sem avisar as autoridades.

“O Tribunal de Justiça (Comarca de Cacoal) prevê que os apenados deverão permanecer na casa da família durante esse período, não sendo mais permitido andar pelas ruas”, complementou Fabiano.

Os detentos que descumprirem as regras impostas terão que voltar à unidade prisional. Podem ainda perder o benefício da próxima saída, que será no Natal. Correm, inclusive, o risco de sofrer regressão de pena.

“Todas as falhas serão repassadas ao juiz. Ele é quem vai avaliar qual a medida será tomada em relação ao apenado”, disse o diretor.

Os detentos devem voltar à unidade prisional na próxima quarta-feira (17), até às 9h. Caso algum detento não retorne ao presídio no prazo previsto, será considerado foragido.

Fonte: Magda Oliveira, G1 Cacoal e Zona da Mata

Publicidade

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.

Comente com o Facebook

Publicidade

Curta Nossa Fanpage

Publicidade

Previsão do Tempo

Publicidade

Últimas Notícias