×

Publicidade

Comissão de Segurança recebe adjunta da Seduc, comando da PM e discute retorno de vigilantes às escolas

Zelar pela segurança de alunos.

seg. - Comissão de Segurança recebe adjunta da Seduc, comando da PM e discute retorno de vigilantes às escolas - correio de rondônia

Anderson defendeu a necessidade do retorno dos vigilantes.

A Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, presidida pelo deputado Anderson Pereira (Pros), recebeu nesta terça-feira (9), durante reunião ordinária, a secretaria adjunta da Seduc, Maria Conceição Alves, o subcomandante da PM, Rildo Flores, o presidente do Sindicato dos Vigilantes, Paulo Tico, além de outros representantes da categoria. Em debate o possível retorno dos profissionais às escolas públicas do Estado.

Anderson defendeu a necessidade do retorno dos vigilantes, devido a um estudo técnico apresentado pela Sesdec, que apontou altos índices de criminalidade que ocorrem nos estabelecimentos de ensino desde a retirada dos profissionais, em 2012.

Publicidade

O parlamentar deixou claro, que o objetivo da discussão, além de cuidar do bem patrimonial, busca de forma primordial zelar pela segurança de alunos, servidores e em contrapartida contempla os vigilantes, pais de famílias desempregados a uma nova oportunidade no mercado de trabalho.

Anderson esclareceu que há cerca de 15 dias esteve com o secretário da Educação, Suamy Lacerda e apresentou uma série de demandas a serem resolvidas, sendo uma delas a segurança, tema de maior preocupação. Na ocasião o gestor da pasta deixou claro que medidas seriam tomadas, dentre elas o retorno da segurança física armada, vigilantes em escolas com altos índices de criminalidade no período noturno, retorno da Patrulha Escolar e também uma possível substituição da empresa de monitoramento que não está a contento.

A secretaria adjunta da Seduc informou que sobre as contratações, será feito um estudo técnico orçamentário atualizado, para buscar a viabilidade, pois o apresentando se refere a gestão anterior e possuí informações que divergem a gestão atual.

Sobre o retorno da Patrulha Escolar, o coronel Rildo destacou a importância e disse que hoje o Estado possui um déficit no efetivo, que precisa ser resolvido para melhor atender, pois entre escolas estaduais e municipais o número é bem elevado. Para diminuição em ações criminosas a PM desenvolve projetos sociais junto às comunidades como a Guarda Mirim e também atua com policiamento ostensivo.

O presidente do Sindicato dos Vigilantes destacou a importância da discussão e parabenizou Anderson pela atitude, que além de beneficiar a população, alunos e servidores, vai gerar novas oportunidades de trabalho.

A questão será tema de audiência pública proposta por Anderson e pelo deputado Jair Montes (PTC), com data ainda não definida, onde todos os envolvidos serão convidados ao debate.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Ver comentários