×

ANS registra 19,2 mil queixas contra planos de saúde em julho

Número de reclamações teve alta de 7,2% no mês.

ANS registra 19,2 mil queixas contra planos de saúde em julho

O número de queixas de usuários de planos de saúde registradas na Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) teve alta de 7,2% em julho, na comparação com junho, segundo boletim divulgado hoje (23) pela agência reguladora. As reclamações totalizaram 19.222, o terceiro maior número da série histórica, atrás apenas de março (19.803) e maio (19.526) de 2022. ebc - ANS registra 19,2 mil queixas contra planos de saúde em julhoebc - ANS registra 19,2 mil queixas contra planos de saúde em julho

Entre as queixas, 268 foram relacionadas a casos de covid-19, o que representa uma queda de 36,5% em relação ao mês anterior. Cerca de metade dessas reclamações (49%) diz respeito a dificuldades na realização de exames e tratamento para a doença.

Segundo a ANS, 90% das reclamações registradas puderam ser resolvidas por meio de sua intermediação de conflitos.

continua após a Publicidade

Os dados constam no Boletim Covid-19 – Saúde Suplementar, que foi divulgado hoje pela última vez, segundo a ANS, que avalia que o cenário é de redução de casos da doença e estabilidade dos parâmetros analisados.

O boletim mostra que, em julho, 52,1% dos leitos comuns e de unidade de terapia intensiva para covid-19  estavam ocupados no conjunto de 49 operadoras de planos de saúde com rede própria hospitalar mapeadas na pesquisa. Nos leitos comuns e de UTI para os demais procedimentos, a taxa de ocupação era de 80,1%.

Os dados apontam que os exames de RT-PCR para covid-19 tiveram um aumento de 36,2% em maio de 2022, último mês para o qual há informações disponíveis. Os exames de anticorpos também registraram aumento de 65% em relação a abril deste ano. O crescimento é compatível com a disseminação das subvariantes da Ômicron, que se espalharam no país entre os meses de maio e junho.

Na comparação com o ano anterior, considerando os números do mês de maio, o RT-PCR teve uma redução de 69,4%, e os exames de anticorpos um aumento de 7,94%.

Usuários

O número de beneficiários manteve a tendência de crescimento observada desde julho de 2020 e continua a se aproximar dos 50 milhões, com 49,8 milhões, o maior patamar da série histórica. O tipo de contratação que mais tem contribuído para o aumento é o coletivo empresarial que, desde julho de 2020, tem mais entradas do que saídas de beneficiários.

Os dados de julho de 2022, comparados com o mês anterior, indicam aumento de 3 pontos percentuais na inadimplência, que foi de 10%, o que a ANS associa ao efeito da data de vencimento coincidir com final de semana.

Ver comentários

Continue Lendo...

Anvisa mantém proibição da venda de cigarros eletrônicos

Produtos são vendidos ilegalmente no país.

Leia Mais
OMS sugere que medidas simples podem reduzir 70% das infecções

Medidas como boa higiene das mãos podem prevenir 70% das infecções em ambiente de cuidados de saúde, recomendou hoje (6) a Organização Mundial da Saúde (OMS). A agência das Nações Unidas lembra que pessoas internadas em unidades…

Leia Mais
Entenda como vai funcionar o autoteste de covid-19

Uso do exame por leigos foi aprovado hoje pela Anvisa.

Leia Mais
Consulta pública rejeita prescrição médica para vacinar crianças

Ministério da Saúde anuncia amanhã seu posicionamento.

Leia Mais
Foto: Ilustrativa/Pixabay

Aplicação da 2ª dose elevou o nível de proteção contra reinfecções.

Leia Mais